quarta-feira, 11 de maio de 2011

Dança contemporânea

A dança contemporânea é o nome dado para uma determinada forma de dança de concerto do século XX. Surgiu na década de 1950, como uma forma de protesto ou rompimento com a cultura clássica. Depois de um período de intensas inovações e experimentações, que muitas vezes beiravam a total desconstrução da arte, finalmente - na década de 1980 - a dança contemporânea começou a se definir, desenvolvendo uma linguagem própria, embora algumas vezes faça referência ao ballet, ao jazz e ao hip hop.
É uma coleção de sistemas e métodos desenvolvidos a partir da dança moderna e pós-moderna. A dança contemporânea não se define em técnicas ou movimentos específicos, pois o intérprete/bailarino ganha autonomia para construir suas próprias partituras coreográficas utilizando os métodos e os procedimentos de pesquisa. Esses métodos trazem instrumentos para que o intérprete crie suas composições a partir de temas relacionados a questões políticas, sociais, culturais, autobiográficas, comportamentais e cotidianas, como também a fisiologia e a anatomia do corpo.



Fonte: Wikipédia

segunda-feira, 25 de abril de 2011

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Mensagem do Dia Internacional da Dança (29/04)

E para comemorar o dia internacional da dança, causa mestre de nosso blog, publicamos a mensagem oficial de 2011. Anne Teresa de Keersmaeker, autora da mensagem deste ano, é dançarina, coreógrafa e um ícone da dança contemporânea.


© Herman Sorgeloos
Anne Teresa De Keersmaeker
Mensagem do dia internacional da dança de 2011: Anne Teresa de Keersmaeker
I think dance celebrates what makes us human.
When we dance we use, in a very natural way, the mechanics of our body and all our senses to express joy, sadness, the things we care about.

People have always danced to celebrate the crucial moments of life and our bodies carry the memory of all the possible human experiences.
We can dance alone and we can dance together. We can share what makes us the same, what makes us different from each other.
For me dancing is a way of thinking. Through dance we can embody the most abstract ideas and thus reveal what we cannot see, what we cannot name.
Dance is a link between people, connecting heaven and earth.
We carry the world in our bodies.
I think that ultimately each dance is part of a larger whole, a dance that has no beginning, and no end.
Confira a programação de nossa cidade:
De 26 a 29/4

2ª Semana de Dança

Em homenagem ao Dia Internacional da Dança, o Shopping Aldeota promoverá a "2ª Semana de Dança". Se apresentarão, a partir das 19h, três das principais companhias de Fortaleza: Escola de Ballet Goreth Quintela, Michelle Borges Estúdio de Dança e Escola de Dança Madiana Romcy. Já Carlinhos Araujo comandará, às 17h, oficina gratuita de dança de salão. No piso L1. (3458.1212).

QUINTA COM DANÇA APRESENTA SOB PRESSÃO

dias 21 e 28/04, às 20h
 Local: Teatro do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (rua Dragão do Mar, 81 - Praia de Iracema).
 R$ 2 (inteira) e R$ 1 (meia) - no local.
Informações: 3488 8600

Theatro José de Alencar
29/04, às 19h
Balé Homenagem a Hugo Bianchi – Aniversário de 85 Anos do Bailarino e Coreógrafo
 Palco Principal    R$ 5,00 e 10,00     750 lugares    Livre  duração:1h30
Informações: 8611.8062


Vila das Artes
14h – aula aberta de sapateado, destinada ao público em geral. Inscrições
no local, das 12h às 13h45
14h – aula aberta de dança de rua, destinada ao público em geral. Inscrições no local, das 12h às 13h45
15h15 – aula aberta de dança de salão, aberta ao público em geral. Inscrições no local, das 12h às 15h.
15h – aula pública de balé clássico com bailarinos convidados
16h30 – aula pública de dança contemporânea (encerramento do curso de dança
contemporânea
18h30 – Debate sobre Políticas Públicas para a Formação em Dança
s

FONTES:
\õ/ \o/

quinta-feira, 14 de abril de 2011

E quem disse que a dança está só no pé?

A dança está presente em todo o corpo, inclusive nas unhas!
A empresa de esmaltes Speciallità lançou uma coleção inspirada na dança.
Confira a coleção "Mundo de Danças":
Já escolheu o seu?
\õ/

terça-feira, 22 de março de 2011

Tributo ao Cartola com participação do Projeto Dançar Faz Bem

E nesta quinta-feira...
Tributo a Cartola é a primeira convocatória
para o II Festival Petiscos & Boemia

Cartola será homenageado na primeira convocatória para o II Festival Petiscos & Boemia, que vai movimentar Fortaleza com música, artesanato, fotografia, cinema, dança, além de fomentar uma saborosa disputa gastronômica

A música de Agenor de Oliveira, o popular Cartola, vai fazer a primeira convocatória para o II Festival Petiscos & Boemia (P&B), dia 24 de março (quinta-feira), no Boteco do Arlindo, a partir das 19 horas. O grupo Nova Guarda do Samba interpreta um repertório que homenageia o compositor carioca, além de apresentar outras canções clássicas do samba brasileiro.

O evento, realizado pela Letra Viva Cultura Inteligente, vai contar com a participação especial do cantor cearense Humberto Pinho, que desenvolve um projeto de pesquisa e divulgação da obra de Cartola por meio de sua voz marcante.

“Acho muito bacana um evento como este, multiartístico, onde a gente pode ouvir, olhar, degustar, nos movimentar e exercitar todos os nossos sentidos em manifestações artísticas onde temos muita tradição”, comenta Humberto.

E para a degustação? O Chef Bruno Modolo vai fazer harmonização de petiscos da casa com cervejas. Modolo é formado pelo Centro Universitário Senac São Paulo e em Fortaleza há três anos. Someliê

Para dar a cara multicultural do que vai ser o Petiscos & Boemia, em julho, a programação na noite do dia 24 de março vai receber também integrantes do Dançar Faz Bem, projeto de extensão da Universidade Federal do Ceará (UFC). Serão apresentadas performances de dança de salão sobre músicas de Cartola.  

O diretor da Letra Viva e organizador do evento, jornalista Aécio Santiago, comenta que o primeiro momento será para ter contato com o público que tem a cara do festival: boemios. Santiago ressalta que o Petiscos & Boemia é uma iniciativa genuinamente cearense.

“Este ano, vamos colocar em prática um evento com conteúdo e valorização da gastronomia e arte locais. Há eventos gastronômico importantes no País, como em Minas Gerais, Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro, mas a proposta de ser multicultural é só do Petiscos”, garante.

O Petiscos & Boemia conta com o patrocínio do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e apoio da Revista Nordeste VinteUm.

> Serviço: 
Tributo a Cartola
com Nova Guarda do Samba e projeto Dançar Faz Bem
24 de março
No Boteco do Arlindo
A partir das 20 horas - Couvert: R$ 3
Festival Petiscos & Boemia > Twitter: @PetiscosBoemia


Informações: (85) 8841.8881 / 8723.1539

> Projeto Dançar Faz Bem
O Projeto Dançar Faz Bem é um projeto de extensão do curso de educação física da Universidade Federal do Ceará (UFC). Oferece aulas de dança de salão à comunidade acadêmica e não-acadêmica, além de fazer apresentações artísticas.

Mais informações: dancarfazbem.blogspot.com

> CD "Samba Pinho e Cartola"

O CD "Samba Pinho e Cartola" é um tributo do cantor e compositor cearense Humberto Pinho ao mestre Cartola. O trabalho se originou do show de mesmo nome que foi apresentado diversas vezes, entre 2005 e 2009 - ano em que foi gravado disco. O trabalho tem 12 faixas, todas de autoria de Cartola e parceiros, como Elton de Medeiros, Carlos Cachaça, Hermínio Bello de Carvalho, e Oswaldo Martins.

Conta também com a participação de Raimundo Fagner, que faz um dueto com Humberto Pinho na faixa Peito Vazio. A direção ficou por conta do músico Tarcísio Sardinha, com arranjos de Sardinha e Ítalo Almeida. O CD tem ainda com a participação ainda dos músicos Luizinho Duarte (percussão) Carlinhos Ferreira (clarinete) Marcio Resende (flauta transversa) e Rômulo no Trombone.

Vai estar sendo vendido no Tributo a Cartola dia 24 de março, no Boteco do Arlindo, ao preço de R$ 10.

Tributo a Cartola é a primeira convocatória
para o II Festival Petiscos & Boemia

Cartola será homenageado na primeira convocatória para o II Festival Petiscos & Boemia, que vai movimentar Fortaleza com música, artesanato, fotografia, cinema, dança, além de fomentar uma saborosa disputa gastronômica

A música de Agenor de Oliveira, o popular Cartola, vai fazer a primeira convocatória para o II Festival Petiscos & Boemia (P&B), dia 24 de março (quinta-feira), no Boteco do Arlindo, a partir das 19 horas. O grupo Nova Guarda do Samba interpreta um repertório que homenageia o compositor carioca, além de apresentar outras canções clássicas do samba brasileiro.

O evento, realizado pela Letra Viva Cultura Inteligente, vai contar com a participação especial do cantor cearense Humberto Pinho, que desenvolve um projeto de pesquisa e divulgação da obra de Cartola por meio de sua voz marcante.

“Acho muito bacana um evento como este, multiartístico, onde a gente pode ouvir, olhar, degustar, nos movimentar e exercitar todos os nossos sentidos em manifestações artísticas onde temos muita tradição”, comenta Humberto.

E para a degustação? O Chef Bruno Modolo vai fazer harmonização de petiscos da casa com cervejas. Modolo é formado pelo Centro Universitário Senac São Paulo e em Fortaleza há três anos. Someliê

Para dar a cara multicultural do que vai ser o Petiscos & Boemia, em julho, a programação na noite do dia 24 de março vai receber também integrantes do Dançar Faz Bem, projeto de extensão da Universidade Federal do Ceará (UFC). Serão apresentadas performances de dança de salão sobre músicas de Cartola.  

O diretor da Letra Viva e organizador do evento, jornalista Aécio Santiago, comenta que o primeiro momento será para ter contato com o público que tem a cara do festival: boemios. Santiago ressalta que o Petiscos & Boemia é uma iniciativa genuinamente cearense.

“Este ano, vamos colocar em prática um evento com conteúdo e valorização da gastronomia e arte locais. Há eventos gastronômico importantes no País, como em Minas Gerais, Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro, mas a proposta de ser multicultural é só do Petiscos”, garante.

O Petiscos & Boemia conta com o patrocínio do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e apoio da Revista Nordeste VinteUm.

> Serviço: 
Tributo a Cartola
com Nova Guarda do Samba e projeto Dançar Faz Bem
24 de março
No Boteco do Arlindo
A partir das 20 horas - Couvert: R$ 3
Festival Petiscos & Boemia > Twitter: @PetiscosBoemia

Informações: (85) 8841.8881 / 8723.1539

> Projeto Dançar Faz Bem 
O Projeto Dançar Faz Bem é um projeto de extensão do curso de educação física da Universidade Federal do Ceará (UFC). Oferece aulas de dança de salão à comunidade acadêmica e não-acadêmica, além de fazer apresentações artísticas.

Mais informações: dancarfazbem.blogspot.com

> CD "Samba Pinho e Cartola"

O CD "Samba Pinho e Cartola" é um tributo do cantor e compositor cearense Humberto Pinho ao mestre Cartola. O trabalho se originou do show de mesmo nome que foi apresentado diversas vezes, entre 2005 e 2009 - ano em que foi gravado disco. O trabalho tem 12 faixas, todas de autoria de Cartola e parceiros, como Elton de Medeiros, Carlos Cachaça, Hermínio Bello de Carvalho, e Oswaldo Martins.

Conta também com a participação de Raimundo Fagner, que faz um dueto com Humberto Pinho na faixa Peito Vazio. A direção ficou por conta do músico Tarcísio Sardinha, com arranjos de Sardinha e Ítalo Almeida. O CD tem ainda com a participação ainda dos músicos Luizinho Duarte (percussão) Carlinhos Ferreira (clarinete) Marcio Resende (flauta transversa) e Rômulo no Trombone.

Vai estar sendo vendido no Tributo a Cartola dia 24 de março, no Boteco do Arlindo, ao preço de R$ 10.

>>> Texto do Letra Viva Cultura Inteligente

\o/\õ/

segunda-feira, 21 de março de 2011

Poema "Quando eu danço", de Luciana Arruda

Quando eu danço
          Luciana Arruda


"Quando eu danço
É como se a chuva fresca
Caísse sobre mim.

Quando eu danço,
Sinto que o conceito espaço-tempo
não existe.

Quando eu danço,
O céu e a brisa estão comigo.

Dançar ,
É cantar com o corpo,
É sorrir com a alma.

Dançar,
É sentir,
É expressar a dor e a alegria
de viver.

Quando eu danço
sei que estou protegida.

Quando eu danço,
Danço para Deus
E sei que Ele
Olha por mim.

Quando eu danço,
Sou um país sem fronteiras,
Um rio de água corrente,
Um feixe de luz.

Quando danço,
Sou o melhor que há em mim.
Meus mistérios são revelados, quando danço."

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

GED 3 Anos

Aloha GEDianos!
E para comemorar 3 aninhos de GED estamos promovendo o GED Hawaii.
Venha curtir um dia dançante na paradisíaca praia do Pecém!
Com muita dança, praia e gente bonita.
Será dia 13 de fevereiro a partir das 9h. O ingresso custa R$ 15,00 e dá direito a alimentação e bebida não alcóolica. Confirme sua presença na comunidade orkutiana do GED clicando aqui.

sábado, 20 de novembro de 2010

Baile Havana Nights

Guajiras e guapos!!
Não perca a noite caliente do baile "Havana Nights" promovido pelo Projeto Dançar Faz Bem:

E como GED nunca lhe deixa na mão, assista ao trailer do filme que intitula o baile e inspire-se!!

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Sun City Swing

Prepare-se para um fim de semana cheio de swing onde você não vai ficar parado: isso é o que promete o evento "Sun City Swing" que ocorrerá nos dias 29, 30 e 31 de outubro.
Com a participação da atração internacional Michael Kielbasa ministrando os workshops, o evento também terá mostra de dança, bailes e competições de West Coast Swing.
Idealizado por Diego Borges e Jéssica Pacheco, o Sun City Swing é o maior evento de West Coast Swing realizado no Brasil. Para mais informações, visite o blog do evento: http://suncityswing.blogspot.com/

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Festa Anos 60 - O que vestir?

Atendendo a pedidos, o GED lhe socorre para não fazer feio na Festa Anos 60. E como imagem vale mais que mil palavras, já dizia um provérbio, vamos postar fotos para que seu imaginário voe alto:
A Gisele Büdchen da época era a Twiggy:

Ué, você esperava vestido de bolinha? Muita gente pensa que vestido de bolinha é dos anos 60, mas na verdade é dos anos 50.

A moda que identifica os anos 60:
  • Mini-saia;
  • Calças de cintura baixa e cintura alta;
  • Boca de sino;
  • Cores vivas, estampas florais e op-art;
  • Tecidos acetinados, inclusive para os homens;
  • Cabelos longos e lisos com franja ou embaraçados com muito volume;
  • Cabelos com franjas para os homens;
  • Terninho Beatles;
  • Botinhas de verniz, de bico fino e salto baixo;
  • Botinhas brancas salto baixo;
  • Bolsas entreteladas e durinhas;
  • Óculos Jackie “O”;
  • Cílios postiços;
  • Taileur com mangas ¾;
  • Tubinho;
  • Roupas futuristas;
  • Tecidos sintéticos, plásticos e metalizados. A moda futurista.
  • Fonte: Almanaque da Moda

    Abaixo, confira um vídeo que ilustra bem a moda e comportamento da época, inclusive no final tem uma festa que mostra a dança que estava no auge:



    Você pode também se inspirar no figurino do filme Austin Powers: